Portal Futebol Clube

Atibaia

DE VOLTA AO FALCÃO! | 18/05/2017 às 14:14:11

Luiz Muller projeta Copa Paulista como laboratório para a Série A3

Treinador quer utilizar competição para montar o time que disputará o estadual em 2018

Técnico Luiz Muller terá o desafio de produzir uma nova safra para o Falcão (foto: Fabio Giannelli/Soccer Digital)

Na próxima segunda-feira (22 de maio), o elenco profissional do Sport Club Atibaia se reapresenta no CT Ninho do Falcão para o início da pré-temporada visando a Copa Paulista, que tem estreia marcada para o dia 02 de julho contra o Rio Branco, em Americana.

Esta será a primeira vez que o time atibaiense disputará a competição, que garante ao campeão o direito de escolher entre uma vaga na Série D do Campeonato Brasileiro e a chance de participar da Copa do Brasil.

Anunciado na última terça-feira como novo treinador da equipe, Luiz Muller comemorou o retorno e revelou que pretende utilizar a Copa Paulista como laboratório para montar a equipe que disputará a Série A3 em 2018. Será o seu quarto campeonato à frente do Atibaia. 

“É uma satisfação enorme voltar trabalhar no Atibaia. Fizemos bons trabalhos que resultaram em acessos nesses últimos três anos, com bons resultados para o clube. Agora iniciamos esse novo projeto, sabendo que é um campeonato um pouco diferente, com outra visão, outra necessidade. Será um laboratório para formar a base para a Série A3 do ano que vem”, projeta.

“Hoje, o Atibaia é um clube formador, que tem alguns exemplos de jogadores que estão nas Séries A e B do Brasileirão. Só ai já demostra todo o trabalho que foi feito anteriormente. A ideia é voltar a fazer esse trabalho e tentar achar novas peças, novos jogadores, para continuar alimentando o mercado brasileiro e até do exterior. Esse é o perfil do clube, ser formador e ao mesmo tempo tentar fazer ótimos campeonatos”, completou.

HISTÓRICO
A primeira passagem de Muller pelo Falcão foi em 2014, no Campeonato Paulista da Segunda Divisão (correspondente ao quarto escalão do estadual). Ele assumiu a equipe na 11ª rodada na derrota por 3x1 para o União São João, em Araras. Na rodada seguinte, goleou o Assisense em casa por 4x0 e engatou a arrancada rumo ao vice-campeonato, que culminou no acesso inédito à Série A3.

Em 2015, foi o responsável pela montagem da equipe que conquistaria em maio o segundo acesso seguido do clube, desta vez para a Série A2. Dirigiu o time em 14 das 19 rodadas da primeira fase, alcançando a vice-liderança geral atrás apenas do Juventus.

Em 2016, já sob gestão da AMB SPORT, voltou a comandar o Falcão na Série A3 com uma campanha ainda melhor. Na primeira fase, repetiu a vice-liderança, mas conquistou cinco pontos a mais do que a edição anterior. De quebra, venceu onze contra 10 e perdeu três a menos. O aproveitamento de 2016 foi de 64,9% contra 56,1% em 2015.
 
Além disso, seu time liderou a competição em oito rodadas e foi vice-líder em nove delas. Foi primeiro ou segundo colocado em 17 das 19 rodadas. A pior colocação foi o quarto lugar (1ª e 17ª rodada).

VISITANTE INDIGESTO
Sem estádio e obrigado a jogar todas as partidas fora de sua cidade, o Atibaia teve melhor desempenho em 2016 atuando como visitante. Das nove partidas que disputou, venceu sete e perdeu duas (77,8% de aproveitamento). Marcou 18 gols e sofreu sete. Já como mandante, venceu quatro, empatou quatro e perdeu duas (53,3%), com 14 gols marcados e 12 sofridos.







« voltar


NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ver todas

publicidade

Comissão de juristas apresenta texto para a atualização da Lei Geral do Desporto

Receba nossos boletins online

2016 - Todos os Direitos Reservados