Portal Futebol Clube

AA Ponte Preta

PREPARAÇÃO | 27/06/2019 às 14:00:00

Magrão avalia preparação da Ponte para a sequência do Brasileiro

Foto: Site Ponte Preta

A equipe da Ponte segue em inter-temporada e para o meio-campista Gerson Magrão, uma das peças-chave do técnico Jorginho no time, essa pausa no campeonato tem que ser vista com cuidado para que o time volte bem após o recesso. “Tivemos essa pausa, voltamos e temos algumas semanas para trabalhar para retomarmos o campeonato com vitória. No meu ponto de vista, a parada não foi muito interessante para nós, pois estávamos em uma crescente na competição. Espero que, quando retornarmos, mantenhamos o mesmo foco e trabalho, para continuar evoluindo e vencendo os jogos”, avalia.

O jogador comenta sobre os bons números que possui na competição: o atleta é um dos líderes em passes certos na Série B, além de ser o jogador com mais cruzamentos feitos pela equipe da Ponte. O jogador também tem outros números importantes, como 13 assistências para finalização, sendo duas dessas para gols marcados. E isso após ter sido recuado pelo técnico Jorginho, de meia ofensivo, para segundo volante.

“Me adaptei ali. Quando cheguei eu estava aberto pela esquerda e depois, em uma necessidade, no jogo contra a Aparecidense, o Jorginho perguntou seu eu poderia ajudá-lo, jogando de volante. Disse que nunca havia jogado, mas alguns jogos poderia aprimorar, para me adaptar. Estou feliz, me sinto bem na função, os passes e assistências estão saindo e é sempre bom manter a regularidade, ajudando a Ponte”, explica Magrão, que comenta sobre os adversários.

“Agora vai ser outra competição. Os times que não estavam tão bem, na parte debaixo e intermediária da tabela, vão ter esse período para treinar, se aprimorar, e quem está em cima também tem que agir assim. O campeonato começa nivelado por causa dessa pausa e temos que voltar ligados. São dois jogos em casa, importante que vençamos”, enfatiza o meio-campista que, com 34 anos, destaca o que pode dizer para jovens atletas, que estão sendo cobiçados no mercado.

 “Digo para que eles continuem trabalhando, fazendo o trabalho na Ponte, jogando, vivendo cada dia e se tiver que acontecer, de serem negociados, as coisas vão acontecer naturalmente. Mas tem que estar focado na Ponte, para que eles possam cada dia mais estarem melhorando”, completa.

Site Ponte Preta







« voltar


NOTÍCIAS RELACIONADAS

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

Ver todas

publicidade

  • banner

Comissão de juristas apresenta texto para a atualização da Lei Geral do Desporto

Receba nossos boletins online

2016 - Todos os Direitos Reservados